Avaliação mostra o que o Brasil faz com educação: Pisa

Por Claudio Carneiro, para Opinião e Notícia

Muito simbólico que o Alagoas dos Collor e o Maranhão dos Sarney tenham ficado nas últimas posições do ranking brasileiro do Programa Internacional de Avaliação de Alunos (Pisa). Famílias ricas se elegem e se reelegem às custas de estados cada vez mais miseráveis e ignorantes. E o Brasil vai perdendo gerações inteiras, com fraquíssimo desempenho escolar. (…)

Leia na íntegra aqui: http://opiniaoenoticia.com.br/brasil/avaliacao-mostra-o-que-o-brasil-faz-com-educacao-e-com-o-futuro-economico-pisa/?ga=dtf

Neste Natal apoie um pequeno lojista: faça suas compras online.

Nesta época do ano, o consumidor brasileiro perde horas importantes do dia num dos cerca de 400 shopping centers espalhados pelo país e que ocupam aproximados 9 milhões de m² de área bruta locável. Enfrenta transtornos como a busca por uma vaga de estacionamento, congestionamento humano nos corredores e escadas rolantes, intermináveis filas de pagamento – para terminar as compras horas depois carregado de presentes comuns. Estes podem ser bons motivos para fazer algo diferente neste Natal: comprar online todos os presentes sem sair de casa – ou do escritório – com segurança e conforto, selecionando produtos criativos e diferentes.

Comodidade, variedade de produtos e facilidade de comparar preços na internet estão entre os fatores que atraem, cada vez mais, consumidores para os mercados eletrônicos com lojas na web que vendem de tudo. Um destes “shoppings eletrônicos”, por exemplo, é o Tanlup, um mercado virtual com quase 2500 lojas onde o consumidor encontra presentes para toda a família.

O site Tanlup é segmentado e voltado para pequenos lojistas e artistas como designers, ilustradores, artesãos, músicos, pintores e estilistas. Sem o apelo das vitrines, o consumidor evita as compras por impulso e pode seguir, tranquilamente, sua listinha de presentes, apoiando ainda o empreendedorismo de pequenos lojistas.

Outra vantagem é que os presentes de Natal comprados desta forma são mais criativos e têm um toque de exclusividade. “Como criadora, percebo que o envolvimento de quem concebe e executa um produto do começo ao fim transparece em cada pequeno detalhe; como consumidora, entendo esse envolvimento como carinho, como um amor quase maternal”, diz Ana Matusita, artesã e dona da loja virtual Ana Sinhana, hospedada naquele mercado virtual.

Para facilitar as compras, o Tanlup tem publicado guias de presentes de Natal com sugestões para todos os gostos: http://blog.tanlup.com/guia-de-presentes-de-natal-para-todos/. As transações financeiras são garantidas pelo sistema de pagamento PagSeguro.  As compras podem ser feitas com cartão de crédito, boleto bancário e outros permitidos pelo PagSeguro. O endereço do Tanlup é: http://www.tanlup.com.

Churrasco de bacalhau?

Entre Dez/09 e Nov/2010, o preço do filé mignon subiu 64,65%, enquanto o preço do bacalhau – tipo mais nobre – caiu 4,63%, no Rio de Janeiro. Com estes movimentos o preço médio do quilo do pescado ficou mais barato que o preço médio do corte nobre de bovino. Em novembro de 2010, o quilo do filé mignon custa em média R$ 34,45, enquanto o bacalhau R$ 28,87.

 Apesar do aumento da carne bovina não ser restrito ao Rio de Janeiro, esta foi a única cidade que a média do preço do bacalhau foi superada pela média do preço do filé mignon. O levantamento foi feito pelo economista André Braz, da FGV.

Concurso Cultural do Livreiro dará dois iPads para vencedor

No dia em que o tão desejado tablet da Apple chega finalmente ao Brasil, a rede social O Livreiro lança o concurso cultural Melhor Amigo, que premiará o vencedor e seu melhor amigo com  iPads (32GB/ 3G/WI-FI) .

Para concorrer aos dois iPads basta acessar www.olivreiro.com.br/melhoramigo, fazer um rápido cadastro na rede e responder “qual a história inesquecível que você viveu com seu melhor amigo?” O concurso vai até 17 de Janeiro de 2011 e a resposta mais criativa leva o prêmio.

A ação também estimula a responsabilidade social, uma vez que o participante deverá votar em uma das 12 instituições pré-selecionadas pela campanha #doeumlivro (www.doeumlivro.com.br) para receber uma doação fomentada pelo Livreiro. Diversas editoras como Saraiva, Objetiva, BrinqueBooks, Zahar, Contexto e Globo Livros já confirmaram suas contribuições para a biblioteca infantil que a instituição mais votada receberá.

“Essa campanha é muito especial para O Livreiro. Com ela, temos dois grandes objetivos: primeiro, incentivar nossos usuários, que são muito engajados e participativos, a ajudar mais pessoas a ler no Brasil. Além disso, percebemos a importância dos e-readers e como as pessoas podem ler ainda mais através deles, ter mais acesso a livros e revistas. Nosso concurso é de incentivo à leitura em qualquer meio, para todo tipo de leitor”, explica Verena Petitinga, gerente do Livreiro.

O Livreiro, que tem como missão fazer do Brasil um país de leitores, já possui cerca de 120 mil usuários cadastrados desde o lançamento do site em julho/2009. O usuário pode montar sua estante virtual de livros, indicar seus favoritos, criar suas próprias listas, comentar sobre as obras e autores, participar de comunidades, compartilhar gostos e leituras, alem de ler títulos online. Por ser uma iniciativa brasileira, todas as informações estão em português. O Livreiro é um projeto beta e reúne pessoas de diferentes idades, mas principalmente jovens que buscam se relacionar pela Internet com outras pessoas interessadas em livros.

Produtos tradicionais da Ceia de Natal acima da inflação, diz FGV

A ceia de Natal incorpora produtos que fogem do consumo trivial das famílias. Os melhores exemplos são: Panetone, Castanhas, Nozes, Frutas Cristalizadas, entre outros. Para estes, a expectativa de preços mais convidativos no Natal de 2010 é grande, uma vez que a compra destes itens importados foi beneficiada pela valorização do real frente ao dólar, mas alguns produtos mais tradicionais subiram de preço e devem encarecer uma parte das compras em 2010.

A variação média de 17 itens que devem fazer parte das compras das famílias foi de 12,15%, entre dez/09 e Nov/10. No mesmo período em 2009, a alta média foi de 5,83%. A variação acumulada para o grupo Alimentação do IPC-M/FGV entre dezembro/2009 e novembro/2010 foi de 7,73%, acima da registrada em 2009, que foi de 3,26%.

Entre os destaques a justificar a alta em 2010, estão carnes utilizadas na ceia de Natal: Lombinho de Suíno (14,99%), Frango inteiro (10,21%) e Pernil de Suíno (9,71%) que subiram de preço em relação ao Natal de 2009. No ano passado, as variações registradas, para estes mesmos tipos de carnes, foram inferiores: (-9,58%), (-7,26%) e (-6,18%), respectivamente.

As exceções ficam por conta do Bacalhau – que continua a apresentar queda em seu preço – registrando variação de (-4,15%), em 2010, ante (-16,62%), em 2009 e do Frango Especial, que apresentou queda de 8,55%, em 2010, depois da alta de 5,26%, em 2009.

Ainda no levantamento feito pelo economista André Braz, outros importantes complementos de mesa também registraram alta em seus preços entre Dez/2009 e Nov/2010, como: Frutas (10,90%), Vinho (6,39%) e Arroz Branco (2,53%).